Bem-vindos à Igreja Evangélica Comunidade Encontros com Jesus

76 - SÓ O AMOR É VIDA, O ÓDIO MATA

 TEXTO BÁSICO: I Jo. 3:15

INTRODUÇÃO

     Já sabemos que o alicerce da COMUNHÃO é o AMOR, que o AMOR É PRÁTICO, e se não for é porque não é AMOR. Já sabemos que devemos AMAR mutuamente uns aos outros: Porque Deus nosso Pai é AMOR, nos AMOU em Cristo e hoje nos faz canal de SEU AMOR. Sabemos também que não podemos AMAR sozinhos, é preciso que o Espírito Santo esteja morando em nós para que assim nossa vida possa FRUTIFICAR O SEU AMOR. Também já sabemos que é o AMOR que gera em nossa conduta a capacidade de suportar e PERDOAR o nosso irmão (SERVINDO de suporte para EDIFICAÇÃO do mesmo, e PERDOANDO-O como Cristo nos PERDOOU). Já temos consciência também, que AMAR é fazer o BEM, pois o AMOR em ação é a evidência de Cristo habitando em nossas vidas. Hoje vamos estudar sobre o efeito do pecado que se chama ÓDIO (que mata) e o efeito da vida eterna em Cristo Jesus, que é o AMOR, que PRODUZ VIDA.

     O AMOR, como já sabemos, é o inverso do ÓDIO em sua causa e em seu efeito. O ÓDIO tem como causa o pecado, e o salário do pecado é o efeito do ódio, a saber: A MORTE. Já o AMOR, tem como causa e origem a pessoa SOBERANA e ETERNA DO NOSSO SENHOR, SALVADOR E MESTRE JESUS CRISTO, ou tem como efeito a VIDA ETERNA E ABUNDANTE QUE O MESMO NOS CONFERE.

     Em I Jo. 3:15 e Mt. 5:21,22 aprendemos que:

     O ÓDIO produz vontade de fazer o mal, cria uma espécie de intenção ASSASSINA. O ÓDIO acorda, desperta o juiz malvado que existe dentro de nós, que se compraz em decretar a pena de morte para aqueles que são objetos da nossa desaprovação. O ÓDIO MATA, O AMOR DÁ VIDA, mesmo que para isso tenha que morrer. Conhecem alguém que fez isso??? JESUS CRISTO na cruz, O ÓDIO gera a INIMIZADE, SEPARAÇÃO (GUERRA), foi o que o diabo fez entre o homem e Deus e entre o homem e homem. O AMOR gera a paz que é o que Cristo (AMOR ENCARNADO) fez e faz entre o homem e Deus e entre homem e homem.

     Jesus Cristo infundido na vida de seus discípulos pelo Espírito Santo que além de OPERAR no homem a FÉ (conversão a Cristo), opera também em sua personalidade reproduzindo o CARÁTER DE CRISTO na mesma, capacitando assim o homem crente (cristão, discípulo de Cristo) a AMAR como Cristo AMOU e continua AMANDO através de sua Igreja (seus discípulos).

     O PECADO TORNOU O HOMEM EGOCÊNTRICO, fez o homem passar a viver uma vida em que ele mesmo é centro de tudo - uma vida onde tudo... acontece conforme ele quer... senão ele briga, faz guerra, rouba, etc. Se ele não consegue fazer o que quer (e assim cultuar a si mesmo), ele concebe o terrível e destrutível - ÓDIO e o ÓDIO MATA. Desde que o pecado entrou na história humana todos os homens por terem sido efetuados pelo mesmo, passaram a ter também uma espécie de tendência "CAIMITA" (tendência homicida, de Caim que foi o primeiro homicida da história humana, assassinando o seu próprio irmão - ABEL), ou seja, uma tendência muito acentuada ao ÓDIO e ao seu filho primogênito - HOMICÍDIO. Infelizmente o ÓDIO é uma coisa inerente à natureza humana corrompida pelo pecado, temos uma facilidade considerável em ODIAR, mas temos uma enorme dificuldade em AMAR. Sendo HONESTOS... Quando alguém nos ofende, logo se ascende dentro de nós a destrutível tendência do ÓDIO, e logo nós queremos descarregar sobre este alguém os raios destrutíveis e o veneno mortal do ÓDIO.

     Em Jesus Cristo o homem pecador, de natureza TENDENTE ao ÓDIO é reabilitado, ou melhor, é transformado e sua natureza tendente ao ÓDIO é transformada, e ele recebe a bênção e o poder de AMAR, e assim ao invés de querer destruir e matar, ele passa querer construir e dar vida (em Cristo nós temos o poder e o exemplo para sermos construtivos em AMOR ao invés de sermos destrutíveis em ÓDIO) I Jo. 3:16.

     Ninguém quer (creio eu) ser considerado um homicida diante de Deus então é preciso AMAR incondicionalmente o irmão, o próximo, o inimigo, pois, TODO QUE ODEIA SEU IRMÃO É HOMICIDA. E a única MANEIRA QUE O HOMEM TENDENTE AO ÓDIO, TEM DE AMAR é através do poder e GRAÇA DE CRISTO.

     LIVRE-SE DA ACUSAÇÃO DE ASSASSINATO, AME AO SEU PRÓXIMO, receba este PODER através de sua ACEITAÇÃO DE JESUS CRISTO E SUA OBRA SALVÍFICA.

OBS.: SÓ PODEMOS DEIXAR EXISTIR DENTRO DE NÓS O ÓDIO CONTRA O PECADO, EM TODAS AS SUAS MANIFESTAÇÕES. ESTE É O ÚNICO TIPO DE ÓDIO QUE PODEMOS TER, POIS POR SER CONTRA O PECADO, É SANTO.

CONCLUSÃO: Não podemos acalentar dentro de nós o ÓDIO, pois se o acalentarmos estaremos nutrindo e alimentado o próprio pecado. Devemos COMBATER O ÓDIO, devemos nos RECUSAR a sentir ÓDIO, devemos recusar a ODIAR até as pessoas que nos odeiam e nos fazem mal. Pois não QUEREMOS SER CONSIDERADOS ASSASSINOS POR DEUS, NÃO É MESMO?!

     E o texto Bíblico não usa meias palavras, não ameniza, não alivia o veredito - "QUEM ODEIA SEU IRMÃO É HOMICIDA", mas quem AMA a seu irmão não é homicida, ou seja, não mata; antes dá sua vida pela vida de seu irmão.

     "FOI ISSO QUE JESUS CRISTO FEZ POR NÓS, É ISSO QUE ELE QUER QUE FAÇAMOS UNS PELOS OUTROS".

     "ÓDIO MATA, QUEM ODEIA É ASSASSINO. O AMOR DÁ VIDA, QUEM AMA POSSUI A VIDA ABUNDANTE E TERNA."

     NÃO ESQUEÇA NUNCA DISSO!

COMUNHÃO É AMOR EM AÇÃO

TEXTO BÁSICO: Jo. 13:34,35

     “Muita gente pensa que RENOVAÇÃO é falar em línguas. Isso não é Renovação. A Renovação começa quando reconhecemos que o nosso coração não está cheio de AMOR, que na realidade, está vazio. A RENOVAÇÃO VEM QUANDO A CONFISSÃO NOS TRAZ DE VOLTA A DEUS IMPLORANDO MISERICÓRDIA - E GRAÇA DE AMAR como deveríamos AMAR”.

     O problema da igreja não é não ter AMOR. Esse é um problema, mas não é o problema. O problema da igreja é que ela não tem AMOR e PENSA que tem. ISTO É A MAIOR CATÁSTROFE E O MAIOR IMPECÍLIO À VIDA DE COMUNHÃO REAL QUE DEVEMOS TER. Esta é a maior doença da igreja no século XXI. Se uma pessoa está doente e não sabe, ou melhor, acha que não está; também não pode ser tratada para que obtenha a cura. O NOSSO MAIOR MAL, é QUE CANTAMOS E ORAMOS, SOMOS UM PELOS LAÇOS DO AMOR; MAS NÃO SOMOS UM PELOS LAÇOS DO AMOR. Não estamos unidos pelos laços do AMOR, não chegamos ainda nem a praticar o grau mínimo do AMOR.

     Como nos COMPORTAMOS DIANIE DE PALAVRAS, TAIS COMO: Mt. 5:43-46??? (achamos difícil demais!!!) MAS ESTE É SÓ O MÍNIMO.

     Imagino a agitação que deve ter havido entre os primeiros discípulos de Jesus Cristo quando o ouviram dizer: Jo. 13:34,35. VAMOS ATENTAR PARA ESTE TEXTO COM MUITA ATENÇÃO, OBSERVEMOS:

1º) “UM NOVO MANDAMENTO VOS DOU”... Mas o que é isso Mestre, um novo mandamento? NÓS SÓ CONHECEMOS DEZ (10). Tem mais um? - Qual é?

2º) “QUE VOS AMEIS UNS AOS OUTROS”... Mas este nós já conhecemos. Esperem - EU AINDA NÃO ACABEI. “QUE VOS AMEI UNS AOS OUTROS COMO EU VOS AMEI”...

     AH! ISTO É OUTRA COISA!

3º) “...QUE, TAMBÉM VOS AMEIS UNS AOS OUTROS. NISTO CONHECERÃO TODOS QUE SOIS MEUS DISCÍPULOS, SE TIVERDES AMOR UNS PELOS OUTROS”.

4º) SÓ SEREMOS RECONHECIDOS COMO DISCÍPULOS DE CRISTO, SE AMARMOS UNS AOS OUTROS, COMO ELE NOS AMOU.

     É preciso que reconheçamos que o AMOR é mandamento, e que tem, no mínimo, três (3) dimensões, a saber:

1º) LEV. 19:18 “AMARÁS AO TEU PRÓXIMO COMO A TI MESMO”. O meu AMOR ao próximo não implica em risco para mim, porque devo AMÁ-LO, mas como AMO a mim mesmo, devo praticar Mt. 7:12.

     Este tipo de AMOR, ou esta dimensão do AMOR, não é tão difícil, pois o seu elemento norteador, ou seu limite, é o AMOR a mim mesmo. AMAR O PRÓXIMO COMO A MIM MESMO.

2º) A segunda dimensão do AMOR é Mt. 5:44 “AMAI AOS VOSSOS INIMIGOS E ORAI PELOS OS QUE VOS PERSEGUEM”... AMAR o inimigo, o que nos odeia, o que nos fere, o que nos persegue, o que levanta calúnias sobre nós, o que nos faz mal. E mais, ORAR por eles. É muito difícil! Eu não dou conta! É por isso que o AMOR é FRUTO DO ESPÍRITO SANTO em nós, não é produção nossa, pois SE FOSSE, NÃO EXISTIRIA.

3º) MAS... a terceira é mais difícil ainda - Jo. 13:34: “...ASSIM COMO EU VOS AMEI A VÓS, QUE TAMBÉM VÓS VOS AMEIS...”.

     O AMOR de Jesus Cristo por nós vai além de qualquer AMOR. O AMOR ao próximo termina no meu AMOR por mim mesmo; o AMOR ao inimigo termina na minha intercessão honesta por ele. MAS AGORA É DIFERENTE, JESUS DISSE: “AMAI-VOS UNS AOS OUTROS COMO EU VOS TENHO AMADO”.

     E eu pergunto aos irmãos como Jesus nos AMOU e tem AMADO??? NOS AMOU A PONTO DE MORRER POR NÓS, E NOS TEM AMADO A PONTO DE VIVER POR NÓS E EM NÓS. MORREU E VIVE POR NÓS.

     Jesus veio para nos unir de verdade, para criar uma família (a igreja) que é mantida por este AMOR de SACRIFÍCIO - AGAPE.

     MAS ... isto nós já sabemos!!!

     Eu sei que já sabemos. NÓS SÓ NÃO ESTAMOS VIVENDO.

     MAS... POR QUE NÃO ESTAMOS VIVENDO??? - Simplesmente porque não estamos levando a sério o discipulado que Jesus nos propõe, a saber: Lc. 9:23-25; Lc. 14:27,33.

NÃO ESTAMOS DISPOSTOS A MORRER.

     NOTA CONCLUSIVA: MEU FRACASSO EM AMAR, É DEVIDO A MINHA RECUSA EM ASSUMIR, NA PRÁTICA, A CRUZ; MEU FRACASSO EM AMAR É PORQUE EU ME RECUSO A VIVER Gl. 2:20; MEU FRACASSO EM AMAR, É DEVIDO A MINHA RECUSA DE MORRER.

     É no AMOR em AÇÃO que existe COMUNHÃO, é na COMUNHÃO que todos conhecerão que somos discípulos de Jesus Cristo que é a encarnação do AMOR. Não adianta ter dinheiro, ter bons equipamentos e instrumentos de som, não adianta falar bem, não adiante sermos simpáticos, etc... SE NÃO TIVERMOS AMOR UNS PELOS OUTOS, E COMO CRISTO NOS AMOU, JAMAIS SEREMOS CONHECIDOS COMO DISCÍPULOS DE JESUS CRISTO.

     QUE DEUS NÃO NOS DEIXE ESQUECER DE VIVER ISSO, MAS NOS FAÇA SEMPRE LEMBRAR DE JO. 13:34,35, NO NOSSO DIA-A-DIA.

COMUNHÃO E O DOM DO ESPÍRITO SANTO

TEXTO BÁSICO: Rm. 12:4-8

     Mas... o que é que tem a ver COMUNHÃO com o DOM DE DEUS COM O ESPÍRITO SANTO??? (releia o texto básico e responda a pergunta).

     COMUNHÃO TEM TUDO A VER COM O DOM COM ESPÍRITO SANTO. É no exercício do dom que a COMUNHÃO SE EVIDÊNCIA. É o Espírito Santo que introduz o AMOR dentro de nós, e este AMOR gera COMUNHÃO, é o Espírito Santo quem nos equipa a COMUNHÃO, que o AMOR produzido em nós por ELE há de GERAR.

     No corpo existe muitos membros, e todos eles interligado entre si, e um SERVINDO ao outro, desempenhando cada qual a sua função, fazendo desta forma o corpo CRESCER, FUNCIONAR, E VIVER. É desta FORMA QUE O ESPÍRITO SANTO atuando em nós, equipando-nos com o DONS, faz-nos VIVER. Levando-nos assim a sermos membros uns dos outros (ou seja, um membro completando o outro), formando desta forma, ou melhor, compondo desta forma o único corpo atuante de Cristo na terra, a saber: A IGREJA.

NOTA: “Olhando para o Novo Testamento verificamos que o exercício dos DONS fazia parte da vida normal das igrejas no primeiro século. Os textos bíblicos aparecem para afirmar isso e estimular o uso responsável deles na igreja através do ministério pessoal de cada salvo. Em Rom. 12:6-8 há recomendações acerca da dedicação que cada salvo deveria ter com o seu DOM; e o que começa a dizer não é que eles “teriam DONS”, mas que já os POSSUIAM “De modo que, TENDO diferentes DONS”.

     O que precisa ficar CLARO e BEM definido em nossa mente, é que OS DONS ESPIRITUAIS SÃO PROJETOS DO PRÓPRIO DEUS, SENHOR E DONO DA IGREJA, para toda igreja local. E isto significa que a Igreja local que não funciona na BASE, ou na DINÂMICA estrutural dos DONS Espirituais, está desobedecendo à ordem do próprio DEUS.

     E mais... a igreja que não funciona usando DOM do Espírito Santo como método estrutural de trabalho, está dizendo para o próprio Espírito Santo que o seu método (os DONS ESPIRITUAIS) não serve para seu uso, em virtude dela ter método melhor. (Isto é uma ofensa a Deus, e um ato de pecado deliberado).

     Uma igreja que não usa o DOM DO ESPÍRITO SANTO, não pode CRESCER, não pode FUNCIONAR, e muito menos VIVER COMO CORPO VIVO E ATUANTE DE CRISTO, pois é exatamente o exercício dos DONS que fará com que ela evidencie COMUNHÃO e por conseguinte seja reconhecida como tal (corpo de Cristo, igreja de Cristo) no mundo.

 OLHE NOVAMENTE PARA O TEXTO BÁSICO (Rom. 12:4-8)

     Veja que é exatamente como corpo humano FUNCIONA, como seu corpo funciona (um membro ligado ao outro, sendo-lhe útil) que o corpo de CRISTO deve FUNCIONAR. É exatamente para isso que existe os DONS ESPIRITUAIS, pois estamos na igreja não para enfeitar os bancos, nem ainda para rechear o livro de rol de membros; MAS PARA SERVIR-NOS MUTUAMENTE UNS AOS OUTROS EM AMOR. É por isso que um membro que não tem disposição e alegria em SERVIR, NÃO SERVE PARA SER MEMBRO DA IGREJA, pois a função Bíblica de cada membro é SERVIR (um servir ao outro).

OBS: Meu querido irmão esta palavra dura não é de seu pastor Dalton Ramos, mas é do seu PASTOR JESUS CRISTO, portanto leve-a a sério, pois se não, o seu problema será desobediência voluntária e por opção, ao próprio Senhor - Jesus Cristo.

QUE DEUS NOS FAÇA VIVER ASSIM.

 

Versículo do Dia

Sl 74:4

"Os teus inimigos bramam no meio dos teus lugares santos; põem neles as suas insígnias por sinais. "



by Estudo Bíblico

Família do Reino de Deus

145 - ORAÇÃO INTERCESSÓRIA PELA IGREJA PERSEGUIDA NA TURQUIA

       Pesquisa revela que 40% da população tem visão negativa dos cristãos      Mais da metade da população de maioria muçulmana na Turquia é contra reuniões de membros de...

190 - MANTENHA-SE NA BÊNÇÃO PDF Imprimir E-mail

     Sabemos que todo globo terrestre luta pela paz. Uma paz que tentamos impor através das guerras. O nosso coração tem uma forma diferente de pensar e de querer...

164 - CURANDO RELACIONAMENTOS

     Curar nossos relacionamentos é a nossa própria escolha, já que na verdade não são os outros que estamos perdoando realmente.      São apenas nossas próprias atitudes e julgamentos...

205 - O GRANDE VALOR DA TOLERÂNCIA!

     Quando eu ainda era um menino, na hora do jantar, minha mãe gostava de fazer lanche, do tipo café da manhã. Eu me lembro de uma noite, quando...

143 - CASAL CRISTÃO É CONDENADO A 25 ANOS DE PRISÃO

      Nesta terça-feira, 2 de março, um tribunal paquistanês condenou um casal cristão a 25 anos de prisão por sujar o Alcorão.      De acordo com o Centro de ajuda...