Bem-vindos à Igreja Evangélica Comunidade Encontros com Jesus

17 - POR QUE JESUS AINDA NÃO VOLTOU?

 

 

      Por que Jesus não voltou ainda? (É o que está descrito em II Pedro), é porque Ele ainda não completou a Sua Igreja, ou seja, como é a expressão usada no texto, é porque Ele não quer que nenhum pereça. Nenhum em cada geração. Nenhum quem? Nenhum dos que Ele quer ter para Ele mesmo, como essa "geração eleita", essa "espécie" que é a, nação santa, Sua Igreja-Noiva em cada geração (I Pedro 2:9). Quando Jesus voltará? Voltará quando completar o tempo do Deus TRIUNO para ter a Sua Igreja-Noiva, a Sua família completa, até o último, da última geração na Terra, preparada e adornada Confira em Apocalipse 19:1-9 e Efésios 5:24-27. Mas, para isso, como Ele a encontra (igreja), localiza, reúne estes? Eu volto à figura do garimpeiro.

     Hoje, na Terra, temos cerca de sete bilhões e meio de habitantes. E esse "ambiente” evangélico? O que é? O que representa? É mais um descarte de cascalhos que um garimpeiro lança fora. Mas é porque Ele, o "garimpeiro", está buscando o Seu, os que pertencem a Ele (Veja Mateus 13:47-50), mesmo que haja um volume tão grande de cascalhos, usando o vocabulário evangélico para tudo, cascalho que nada tem a ver com a Igreja-Noiva; nada tem a ver com o ouro do Senhor. Mas Ele está garimpando, reunindo, juntando, em cada geração, os que correspondem a Abel e a Abraão, tal como está em Hebreus 10:19-39; e todo capítulo 11.

     Abel representa a humanidade inteira dos que verdadeiramente creem no Senhor Jesus Cristo; que creram mesmo quando a Revelação ainda estava tão pequena. (Porque a Revelação, após a vinda de Jesus, agora, já é completa); mas lá já estava Abel representando todos que viveriam pela Fé (Hebreus 11:4).

     Depois, Abraão. E aí, a fé de Abraão. Então, vamos descobrir que a fé de Abraão é da mesma natureza da fé de Abel. (Após ler Hebreus 10:38 até o final de Hebreus 11, capture o que está em Gálatas 3:2-11).

ABEL E CAIM ONTEM E HOJE

     O justo vive pela fé. "O meu justo viverá da fé" (Hebreus 10:38; Romanos 1:17; Gálatas 3:11; Habacuque 2:2-4). Em Hebreus 11, Deus testifica de quantos destes? Eu, você... estamos entre eles? Abel foi este justo, enquanto seu irmão Caim, que representa a humanidade religiosa, é muito mais chocante: ele representa, ao longo das gerações, os crentes mundanos que lidam, convivem com a revelação de Deus, os que estão no ambiente evangélico, mas optam por desonrar ao Senhor, e ainda usam a Palavra de Deus como argumento, e tomam a decisão de matar o projeto de Deus. De quem, a Bíblia diz, que CAIM era? Ele e todos os que são da sua "igreja", da igreja de Caim, os evangélicos que pensam e agem como Caim? Ouça em I João 3:12-13 e 2:15-17; Hebreus 11:4 e Judas v. 11.

     Você, certamente, não tomou a decisão de matar Abel. O Abel de hoje. (Quem é o "ABEL" de hoje?). Muitos fazem isto em vários lugares, os Cains estão executando fisicamente Abel. Mas, ninguém precisa executar fisicamente um Abel para ser um Caim. E os Cains que estão no ambiente evangélico, amados, são os que são bons teólogos, que buscam as Escrituras para os seus próprios interesses, terrenos egoístas e pecaminosos.

     Como "bons teólogos", quero me referir às pessoas, qualquer um que faz uso da Bíblia, mas que são indiferentes, como em uma conversa que se tem sobre o bíblia com qualquer evangélico, mesmo aquele que nasceu e cresceu no ambiente evangélico, mas quando se fala no texto bíblico, quando se fala de um livro da Bíblia, ele sequer sabe que existe. O máximo que ele sabe, a certa altura, é uma parte de uma musiquinha que havia aprendido quando criança, que citava os livros da Bíblia. É assim: esse é o ambiente dos Cains.

     Alguns não sabem, praticamente, nada da Bíblia. Ironizam a revelação escrita de Yahweh. Ironizam a Palavra dEle, tal como fez Caim, mesmo sabendo claramente o que Deus tinha dito. Outros a manuseiam intensamente, com os argumentos para justificar sua identidade de Caim. E eles estão o tempo todo atuando, precisamente, como Caim, tentando matar o Abel no ambiente da Igreja. Quantos Cains estão no ambiente da Comunidade Evangélica Encontros Com Jesus hoje? Quantos Cains estão no ambiente amplo da Igreja, ou da manifestação externa da Igreja?

     Esta manifestação externa, visível, traz monturos de cascalhos. Estes cascalhos também seriam a figura dos Cains. E eles continuam infiltrados na Igreja, nas congregações locais. Para quê? Para tentar matar os "Abéis". Para tentar matar os que insistem em viver por Jesus. Tentar suborná-los, usando as Escrituras e argumentos sutis. Argumentos variados. Argumentos de títulos acadêmicos; argumentos de ministérios, etc. Mas cada um revela o que está no seu coração de fato.

     Abel era Casa de Deus. Casa de Oração/Adoração. O Caim era um evangélico. Um evangélico que tinha contatos com o Deus Vivo, sim, mas para rebeldia e para desobedecê-Lo. E o "Caim" está distribuído em todo o ambiente evangélico e buscando, agindo para influenciar outros, tantos quantos ele conseguir, com seus conceitos, visão, ideias, "INTERPRETAÇÕES" da Bíblia para justificar seus interesses mundanos e egoístas, sua rebeldia e seus "RESSENTIMENTOS", tal como o ex-lúcifer, contra os que não FIZERAM SUAS VONTADES, etc, etc. Ele corresponde aos apóstatas. Corresponde ao joio, às virgens insensatas. E o propósito dele é matar, matar, matar... Matar quem? Matar Abel, amados! Matar a Casa de Deus, Casa de Oração/Adoração; matar os que haverão de viver pela fé, pela fé de Jesus, como é o testemunho de Abel.

     Caim, também, gostava das atividades religiosas. Faz e se deleita em cerimônias evangélicas. Realiza-se na “igreja-organização". Caim presta "cultos". 

     Caim prega. Caim canta, toca, usa vocabulário evangélico; às vezes até com aparente “maturidade"; outras vezes, com superficialidade. Ele tem os "seus" ministérios, sempre com fortes argumentos de que “recebem" DOM ou DONS de Deus, e que precisa usá-los para "a glória" de Deus, para levar pessoas a Jesus, para evangelizar, etc. Caim “profetiza". Caim “ensina". Faz belas orações. Caim faz milagres, expulsa demônios, como revelado em Mateus 7:21-23. Lá, em Mateus 7:21 a 23, está o Caim revelado por Jesus e o desfecho final desses “Cains". O Caim de hoje. O Caim que está ao seu lado, seu colega, seu familiar, parente e até seu “amigo".

     Certamente você está cercado, cercado por “Cains". Às vezes na sua casa todos querem subornar você, para você ser desleal a Jesus; com interpretações mundanas e/ou legalistas com aparência de piedade; participando de festas e celebrações do paganismo cristianizado, tal como o “natal" e a sua “ceia", “páscoa", “semana da paixão" ou “semana santa", “sexta-feira da paixão", “ressurreição" neste contexto, carnaval, etc; e ainda usando argumentos que tomam de um texto da Bíblia, figuras ou termos da Bíblia, e informações religiosas e tradições evangélico-religiosas. O Caim está no seu círculo evangélico da congregação: entre seus colegas com os quais você cresceu. O Caim está no seu círculo escolar, no seu círculo profissional. Ele está por todos os lados.

     Mas onde Caim atua, por excelência, é no ambiente evangélico que há de abrigar também algumas ovelhas de Jesus. Há de abrigar Abel. Qual era o culto de Caim e qual era o culto de Abel, tal como está em Gênesis 4? Ambos eram, o que poderia ser chamado hoje, de cristãos, de evangélicos; e não incluía, naqueles dias, tudo isto do atual universo de paganismo, de culto aos demônios em nossos dias e do transcorrer dos séculos. Não. Caim estava ali no ambiente onde ainda não havia os cultos elaborados aos demônios e aos homens; não haviam os variados altares oficiais para os demônios, como em todas as culturas e sociedades em nossos dias. Mas lá estava o Caim. E a sua conduta é tentar matar o Abel. Lá estava o ex-lúcifer, comandando Caim e sob o comando de Caim, por escolha e decisão dele. E o Senhor insiste com Caim, Insiste. Mas ele, na sua rebeldia de culto a si mesmo, decide que fará do jeito dele, usando a própria Palavra do Senhor, e não do jeito de Deus. Rejeita o governo de Deus. Rejeita Jesus Cristo como seu cabeça, seu Senhor.

     Abel corresponde precisamente à Casa de Deus, Casa de Oração/Adoração. Você encontra alguns da Antiga Aliança, que são mencionados nela, que são a Casa de Deus, Casa de Oração/Adoração; sendo que na Nova Aliança, ela haverá de se manifestar de forma corporativa. Individual e corporativa ao mesmo tempo.

     Mas em que momentos, desde Atos 2 até hoje, você pode saber que houve manifestação da Casa de Deus - Casa de Oração/Adoração? Talvez entre pequeninos grupos, e ainda transitoriamente. Porque, quando, daqueles que eram Casa de Deus, Casa de Oração/Adoração, a vida terrena terminava, raramente havia sucessores para continuar, porque a "segunda geração" corresponde ao coração de Caim. A segunda geração tem conhecimento de Deus, da Palavra dEle, mas não quer Jesus como Senhor. (Você sabe qual o significado de "segunda geração" para nós, em nosso vocabulário e entre nós? Recorde isso, estudo dado no dia 12/09/12) – falaremos da segunda geração de uma forma mais direta ainda.

     Ainda assim, amados, o Deus Vivo Triúno garimpa, para realizar, completar o Seu projeto eterno, e trazer a Sua Igreja-Noiva à existência. Esta é a razão principal da revelação em Gênesis, do que está escrito em Gênesis 1, nos versos 1 e 2. A diferença entre o que está em Gênesis 1:1 e o que está em Gênesis 1:2; também do que segue no verso 3 até quando termina Gênesis 1 e começa Gênesis 2. O que há de semelhança e distinção (diferença) entre Gênesis capítulos 1 e 2? Ali você já irá encontrar um espaço de tempo que ninguém sabe, mas grandemente significativo. E de Gênesis 3 para Gênesis 4, o que você vai encontrar? Outros fatos. Lá em Gênesis 3, você encontra o ex-lúcifer querendo engolir, como um dragão (a antiga serpente) tentando engolir a semente da Igreja, a Noiva de Cristo, o Adão e a Eva (confira Apocalipse 12:1-9).

ENTRE NÓS, QUEM É ABEL E QUEM É CAIM?

     Alguém pode impedir o Deus vivo Triúno, Todo-Poderoso, que trouxe tudo à existência, para um "propósito"? E o propósito dEle é claro, santo e justo. Santo, Justo... todos sabem disto. E então, lá, em Gênesis 3, está a antiga serpente, tentando engolir, tentando comer a semente, devorá-la! Mas, o Senhor também está lá e agindo. Porque ninguém pode impedir o propósito dEle.

     Como já estamos nos primeiros dias de 2014, começaremos a ver os (sinais de quem é Abel e quem é Caim. Quem é Casa de Deus, Casa de Oração/Adoração; e quem é casa, COVIL de LADROES, para o ex-lúcifer tentar cumprir e executar o projeto dele contra a Igreja, a Noiva de Cristo, neste tempo profético-escatológico dos nossos dias.

     Porém, o que o ex-lúcifer faz, sob a permissão de Deus, é simplesmente ser um instrumento de Deus, para que os que amam a Jesus se manifestem e sejam provados a cada dia. Provados se amam a Ele (Jesus) ou não. Como? E o que Ele diz em Deuteronômio 13, quanto à liberação de falsos profetas. Você se lembra? Em Deuteronômio 8, e em tantos outros lugares e textos bíblicos, onde o Senhor envia situações para que os que estão entre o seu povo digam e evidenciem e tenham a experiência íntima, e tomem decisões radicais se amam ao Senhor Jesus de fato, ou não; ou se são apenas expressões da segunda geração, que não tem vínculo, aliança, amor ao Senhor, conquanto O conheçam muito. Assim era o Caim.

No amor em Cristo,

Pr. Dalton Ramos

  

Versículo do Dia

Dt 3:28

"Manda, pois, a Josué, e anima-o, e fortalece-o; porque ele passará adiante deste povo, e o fará possuir a terra que verás. "



by Estudo Bíblico

Família do Reino de Deus

14 - A LIÇÃO DA MOSCA

      Certa vez, duas moscas caíram num copo... A primeira era forte e valente. Assim, logo ao cair, nadou até a borda do copo. Como a superfície era muito...

132 - ORAÇÃO INTERCESSÓRIA PELA IGREJA PERSEGUIDA NO PAQUISTÃO

     Governo pede sugestões para os cristãos do Paquistão sobre lei de blasfêmia      A abolição da lei de blasfêmia no Paquistão. É isso que os cristãos pediram para...

78 - UM POUCO DE CIÊNCIA NOS AFASTA DE DEUS, MUITO, NOS APROXIMA

      Fato ocorrido em 1892, verdadeiro e integrante de biografia. Um senhor de 70 anos viajava de trem tendo ao seu lado um jovem universitário, que lia o seu...

83 - O PILOTO

     O homem observou o menino sozinho na sala de espera do aeroporto aguardando seu vôo.      Quando o embarque começou, o menino foi colocado na frente da fila...

90 - DEUS NUNCA ERRA

     Há muito, muito tempo, num reino distante, havia um rei que não acreditava na bondade de DEUS. Havia, porém, um súdito que em todas as situações lhe dizia:...